• Univali
  • Notícias
  • Grupo de Psicologia cria jogo de tabuleiro sobre o coronavírus

Grupo de Psicologia cria jogo de tabuleiro sobre o coronavírus

Recurso lúdico auxilia na adaptação das crianças ao novo contexto social


por Natália Uriarte Vieira | 03/06/2020

​Santa Catarina – Uma série de atividades que antes eram realizadas na escola agora estão sob responsabilidade da família. Uma nova rotina e um novo “normal" foram estabelecidos. Se para os adultos essas adaptações e novo contexto parecem difíceis, imagina para as crianças. Para ajudar as famílias a interagirem e falarem sobre a Covid-19 com as crianças, de forma lúdica, um grupo de acadêmicas e uma professora do curso de Psicologia da Universidade do Vale do Itajaí (Univali) criou o jogo de tabuleiro “Venha brincar e entender melhor sobre o coronavírus".

capa jogo tabuleiro final.jpg

O recurso lúdico deve auxiliar no processo de adaptação de crianças de 5 a 11 anos ao novo cenário. Trata-se de uma atividade simples e gratuita para as famílias, no apoio ao desenvolvimento saudável da criança. O jogo pode ajudá-las a compreender e significar a pandemia e os processos de mudanças na rotina, funciona ainda como alternativa para aliviar o estresse e fornecer estratégias de enfrentamento diante das situações difíceis. A ferramenta é educativa, além de proporcionar momentos de descontração em família e fortalecer os vínculos afetivos.

O jogo foi desenvolvido na disciplina digital Psicologia Pediátrica, pelas alunas Carla Rocha, Tainara Mafezolli e Thayna Lima, e pela professora Carina Nunes Bossardi. “É uma maneira das famílias se aproximarem das crianças, abordarem o assunto com risco menor de apresentarem informações distorcidas e manejarem questões de estresse e ansiedade que estiverem presentes", ressalta a professora Carina.

Materiais necessários

Para jogar, é necessário imprimir o tabuleiro disponível no documento abaixo (anexo), em duas folhas de papel. Pode-se colar tudo depois em uma cartolina ou papel pardo. Cada jogador pode escolher, dentre os objetos ou brinquedos disponíveis em casa, a peça que irá representá-lo no jogo. Também é possível imprimir e recortar as cartas e o dado, inclusos no documento.

Como jogar?

Este jogo de tabuleiro pode ser jogado por até cinco pessoas. Para iniciar, cada jogador deve ter um objeto, que o represente, que pode ser um brinquedo ou objeto de sua preferência ou até mesmo uma tampinha de garrafa pet. Para dar sequência à partida o jogador terá que jogar o dado. Este dado não é igual aos demais. Ele possui a numeração um e dois, somente. Os jogadores devem jogar um de cada vez e repetir a jogada até o final da partida. Em alguns momentos será solicitado que o jogador pegue uma carta, essa por sua vez, conterá informações a respeito das orientações psicológicas que devem ser feitas durante o período da quarentena. Estas orientações tiveram como base o material criado por Elena San Martín Suárez (2020), que é educadora social e psicóloga. Após retirar e fazer a leitura da carta, o jogador deverá embaralhar novamente o monte de cartas e voltar ao jogo.

O arquivo com o jogo e as orientações de utilização estão disponíveis aqui:

Jogo de Tabuleiro

 




  • Compartilhe:

Comentários



Voltar para todas as notícias

Copyright - univali.br - 2020 - Todos os direitos reservados