Horto Medicinal é inaugurado no Campus Itajaí

Evento ocorreu na quinta-feira, 7 de novembro


por João Francisco de Borba | 07/11/2019

Itajaí – Com a participação do prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, da secretária de Educação do município, Elisete Furtado, e representantes de UFSC, Univille e Unidavi, além de professores, funcionários e estudantes, e o ex-reitor Edison Villela, foi inaugurado nesta quinta-feira, 7, o Horto Medicinal Univali. Trata-se de um ambiente pensado para estudar a flora utilizada em pesquisas científicas na área de saúde e de projetos de extensão, para aproximar o conhecimento da comunidade, valorizar o conhecimento popular e validá-lo por meio de pesquisas. 
2019-11-07-Inauguração Horto Medicinal3.jpg


No evento, o prefeito enalteceu a iniciativa da Universidade e destacou a importância de se ter no ambiente universitário um espaço adequado a pesquisas medicinais da flora. “O que antes era chamado de medicina alternativa, hoje é considerado tão importante quanto a alopatia”, destacou. O reitor, Valdir Cechinel Filho, agradeceu a participação do IMA, FGV Empreendimentos, parceiros da iniciativa, e destacou o trabalho de todos que estiveram envolvidos na realização do horto: “O momento é de agradecer. A inauguração do horto é um presente para toda a comunidade científica e à população do nosso entorno”.
IMG_5137.JPG

Sobre o horto - O horto está organizado em oito setores, com espaços para: plantas medicinais, plantas alimentícias não convencionais (PANCs), plantas tóxicas, viveiro, albergue de abelhas sem ferrão, compostagem, jardim comestível e um galinheiro móvel. O local abriga um total de aproximadamente 80 espécies e contemplará uma série de atividades relacionadas à pesquisa, ensino e extensão, desde a análise de espécies com estudos já em desenvolvimento na Universidade, até a realização de oficinas, cursos e workshops sobre plantio, poda, jardinagem e áreas relacionadas, envolvendo a comunidade acadêmica e externa. Além disso, por meio de uma cooperação já consolidada entre o projeto de extensão Farmácia Viva e a Prefeitura de Itajaí, serão feitos testes, análises e seleção de espécies para o compartilhamento de mudas e a implementação da fitoterapia pelo Sistema Único de Saúde (SUS), ou seja, em Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município. 

A professora e engenheira agrônoma Dalva Sofia Schuch coordenará o espaço junto do professor Gustavo Russo, ambos da Escola de Artes, Comunicação e Hospitalidade. Ela explica que o horto tem seus cultivos baseados nos princípios da agricultura orgânica, com a compostagem dos resíduos orgânicos do campus e práticas ecológicas de manejo. “Tudo aqui é orgânico, desde o preparo do solo até o cultivo das plantas. Essa rede orgânica opera com uma intensa comunicação que estimula a troca de nutrientes, a proteção da natureza e a dinâmica da vida”, defende Dalva.
IMG_5027.JPG


Vivências e atividades lúdicas do Colégio de Aplicação da Univali (CAU) também ocorrerão no Horto Medicinal da Univali, que é um espaço aberto, com possibilidade de agendamento de visitas guiadas e para a realização de cursos e outras formações, pelo e-mail hortomedicinal@univali.br. 






  • Compartilhe:

Comentários



Voltar para todas as notícias

Copyright - univali.br - 2019 - Todos os direitos reservados

Horto Medicinal é inaugurado no Campus Itajaí