Medicina

Campus Itajaí

4

conceito mec


2017

3

conceito enade


2019

O Curso

​Objetivo do Curso

Formar médicos tecnicamente qualificados, contribuintes efetivos na solução de problemas, comunicadores habilidosos e comprometidos socialmente no cuidado do sofrimento humano, onde quer que esteja, atuando de acordo com as políticas públicas de saúde, em todos os níveis de complexidade, possibilitando atuação nas áreas de competência de atenção à saúde, gestão e educação em saúde. 

Perfil do profissional

O médico terá formação geral, ética, humanista, crítica e reflexiva, com capacidade para conectar o compromisso com a saúde integral do ser humano aos valores de responsabilidade social e dignidade humana, contribuindo ativamente, nos diferentes níveis de atenção à saúde, por meio de ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação, no âmbito individual e coletivo, tendo como referência a integralidade em sua prática. 

Competências

 Atenção à Saúde​
- Realizar história clínica com atit​​ude ético-humanista, estimulando o relato espontâneo das pessoas e valorizando seu contexto biológico, emocional, familiar e social.

- Realizar exame físico com consentimento, segurança, privacidade e esclarecimento sobre manobras ou técnicas.

- Formular hipóteses diagnósticas mais prováveis, com estabelecimento de prognóstico, considerando o contexto da pessoa e do problema, esclarecendo de forma humanizada e ética os possíveis diagnósticos.

- Promover a investigação diagnóstica com ativa participação da pessoa sob cuidado, conforme as melhores evidências e na singularidade das pessoas.

- Implementar planos de cuidado integral, com base no raciocínio clínico-epidemiológico, considerando as ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação, de acordo com a necessidade exigida em cada caso.

- Avalia
r planos terapêuticos, acompanhando os resultados obtidos. 
Gestão da Saúde
- Investigar problemas de saúde coletiva, considerando os aspectos biológicos, psicológicos, culturais, econômicos e soc​iais, para o estabelecimento de diagnóstico de saúde e priorização de problemas.

- Avaliar projetos de intervenção coletiva, tendo como referência a melhoria dos indicadores de saúde, considerando a participação social, a autonomia dos indivíduos e comunidade, as ações de promoção da saúde e educação em saúde e a prevenção.

- Identificar o contexto do Processo de Trabalho no âmbito do Sistema Único de Saúde, considerando seus princípios, diretrizes e políticas de saúde.

- Identificar desafios e oportunidades na organização do processo de trabalho nos vários cenários que compõem a Rede de serviços, tendo como referência a integralidade do cuidado.

- Analisar indicadores de saúde e modelos de gestão.

- Realiz
ar planejamento de forma participativa.

- Realiz
ar trabalho colaborativo em equipes, superando a atual fragmentação do trabalho em saúde.

- Implementar planos de intervenção considerando os diversos atores envolvidos no processo (população em geral, profissionais de saúde, gestores), considerando as políticas de saúde vigentes.

- Gerenciar o cuidado em saúde no âmbito individual e coletivo, garantindo a integralidade da atenção por meio das ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação. 

- Monitorar planos de intervenção e o próprio processo de trabalho em saúde.

- Avaliar o trabalho em saúde, utilizando indicadores, relatórios, ouvidorias, auditorias e processos de acreditação e certificação, utilizando seus resultados para constantes melhorias.

- Formular e receber críticas de modo respeitoso, valorizando a construção de um ambiente de trabalho solidário.

- Ser protagonista no processo de transformação das práticas e da cultura organizacional, no sentido da defesa da cidadania e do direito à saúde.
​Educação na Saúde
- Identificar necessidades de aprendizagem individual, com desenvolvimento da capacidade de aprender a aprender, aprender com seus pares como processo permanente.

- Identificar necessidades de aprendizagem, seja das pessoas sob seus cuidados, familiares, cuidadores ou responsáveis, ou mesmo de grupos sociais ou comunidade, com o conhecimento prévio e respeitando o contexto sociocultural.

- Identificar necessidades de aprendizagem dos membros da equipe relacionados ao processo de trabalho ao qual estão inseridos. 

- Analisar de forma crítica fontes, métodos e resultados, no sentido de avaliar evidências e práticas no cuidado, na gestão do trabalho e na educação de profissionais de saúde, pessoa sob seus cuidados, famílias e responsáveis.

​- Identificar a necessidade de produção de novos conhecimentos em saúde a partir da própria prática e das necessidades de saúde das pessoas e do Sistema Único de Saúde.​

Investimento

Coordenação

​Rua Uruguai, 458 - Centro
88302-202 - Itajaí - SC

Telefones: (47) 3341-7865 e (47) 3341-7678
medicina.ccs@univali.br  

Coordenador
Pablo Sebastian Velho​

Dados Gerais

Titulação

Bacharelado/Médico

Atos Regulatórios

​​​​Reconhecimento do Curso: Decreto Estadual nº 1.048, de 20/11/2003

Renovação do Reconhecimento: Decreto Estadual nº 2.137, de 20/02/2009

Carga Horária

7.410 horas

Duração

​12 semestres, divididos em 8 semestres básicos e pré-clínicos e 4 semestres de internato médico.

Turno de Funcionamento

​Integral

este curso está vinculado à Escola de Ciências da Saúde

vídeos

Copyright - univali.br - 2021 - Todos os direitos reservados