Mensagem

Bondade e Amabilidade

 
Certamente todos concordam comigo quando digo que a gentileza, a verdadeira amabilidade é algo raro hoje em dia. Quantas vezes nos faltam as palavras certas ou não manifestamos gratidão sincera nos momentos devidos. Em relação à amabilidade penso quanta razão tem a Bíblia quando diz: "A ansiedade no coração do homem o abate, mas a boa palavra o alegra" (Pv 12.25). E: "O olhar do amigo alegra ao coração; as boas novas fortalecem até os ossos" (Pv 15.30). O motivo de muita falta de amabilidade talvez sejam as preocupações pessoais, pois "a ansiedade no coração do homem o abate." Ou estamos estressados, sobrecarregados, tensos ou simplesmente de mau humor.
 
Muitas vezes não conseguimos ser amáveis, embora saibamos que com uma atitude gentil alcançaríamos muito mais. "A boa palavra o alegra... o olhar do amigo alegra ao coração." Certa vez li a respeito: O Sol e o vento disputavam entre si para ver quem era o mais forte. O vento disse: "Vou provar que sou o mais forte. Você está vendo aquele homem idoso enrolado em sua capa? Pois aposto que vou conseguir que ele a tire".
 
O Sol escondeu-se atrás das nuvens, e o vento soprou até se tornar tempestade; mas quanto mais se enfurecia, tanto mais o homem se enrolava em sua capa. Por fim o vento cedeu e parou de soprar. Aí o Sol saiu detrás das nuvens e sorriu amistosamente para o velhinho. Não demorou muito e o homem enxugou a testa e tirou a sua capa. Então o Sol disse ao vento: "Brandura e amabilidade são mais fortes do que fúria e violência". A Bíblia fala da bondade de Deus: "Oh! Provai e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia" (Sl 34.8). Muitos já experimentaram que o Senhor Jesus Cristo é bondoso e amável! Não somente pelas coisas boas que Ele nos dá a cada dia.
 
Ele oferece muito mais que isso: Ele obteve a salvação para todos, perdoa os nossos pecados, nos traz à comunhão com Ele e assim nos conduz para a vida eterna. Em Seu Filho Jesus Cristo, Deus fez nascer o sol sobre nós. "Quando, porém, se manifestou a benignidade (bondade, amabilidade) de Deus, nosso Salvador, e o seu amor para com todos, não por obras de justiça praticadas por nós, mas segundo sua misericórdia, ele nos salvou mediante o lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós ricamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador, a fim de que, justificados por graça, nos tornemos herdeiros, segundo a esperança da vida eterna" (Tt 3.4-7).
 
Toda a bondade dEle também está à sua disposição! Você já recorreu alguma vez a Jesus de todo o coração pela fé? É nele que podemos descarregar todas as nossas preocupações, problemas e pecados. Nele o nosso coração encontra abrigo, nossa ansiedade é satisfeita e recebemos a paz que excede todo o entendimento (veja Fp 4.7)! (Norbert Lieth)