SharePoint

Centro de Estudos Antárticos


O Ceantar está instalado no primeiro andar do Campus da Univali em Balneário Piçarras junto ao Museu Oceanográfico da Univali. Este laboratório (Fig. 21) tem como objetivo gerenciar projetos e estudos relacionados a Antártica, além de ser um espaço aberto a visitações possibilitando contato com equipamentos e peças históricas relacionadas ao continente gelado. Ele possui o segundo maior arquivo histórico sobre o tema no país, tutelando milhares de documentos históricos e artigos do extinto Instituto Brasileiro de Estudos Antárticos (IBEA), anterior ao Programa Antártico Brasileiro.

Também compõem o acervo, documentos pessoais do professor Péricles Azambuja, pioneiro na campanha que levou o Brasil à Antártica, e do curador do Museu Oceanográfico da Univali, Jules Soto, que arquiva e coleciona objetos e documentos sobre o tema desde 1982. No local também funcionará uma das mais completas bibliotecas temáticas brasileiras sobre a Antártica, com livros, periódicos e clipagens e diversas obras raras e esgotadas. O laboratório de pesquisas servirá de apoio a Base Antártica Universal criada por meio de parceria entre Universidade do Vale do Itajaí (Univali) e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) que envolve a instalação de um centro de pesquisa junto à estrutura chilena da Base Frei. A base atende as demandas da Organização das Nações Unidades de ter uma representação na Antártida e terá a Universidade do Vale do Itajaí como mentora e gestora.

Copyright - univali.br - 2017 - Todos os direitos reservados

Centro de Estudos Antárticos